Estados Unidos: Deputada Rashida Tlaib apoia projeto de lei de renda básica para os Estados Unidos

Rashida Tlaib. Crédito da imagem para: HuffPost.

 

No dia 30 de maio de 2019, a congressista Rashida Tlaib organizou a 13ª Mesa Redonda Distrital de Mulheres e Famílias do Congresso com membros da comunidade e defensores de todo o distrito de Redford (Michigan) (1). A mesa redonda aconteceu no Centro Comunitário de Redford, em Redford Township, e contou com a presença de elementos de grupos de defesa locais, professores, membros do sindicato e membros da comunidade em geral.

 

Ela afirmou que “Esta mesa redonda foi a primeira de muitas que teremos que nos certificar de que estamos radicados no que a comunidade precisa aqui em casa, não em Washington, DC”, concluindo que “O LIFT + Act é apenas uma parte do garantindo que nossas famílias tenham os recursos que precisam para prosperar ”.

 

O anúncio da lei LIFT + (Plus) Act foi feito nesta mesa-redonda, com membros da comunidade e defensores de todo o distrito. De acordo com Tlaib, o projeto de lei pode colocar dinheiro no bolso das pessoas, através de um crédito fiscal reembolsável que pode ser pago mensalmente, para comprar praticamente qualquer coisa que as pessoas lutam para comprar hoje. Os membros da comunidade concordaram amplamente que as questões que mais os afetam são a igualdade de renda, salários sustentáveis, políticas de licenças, cuidados de saúde abrangentes e acessíveis, e assistência infantil a preços acessíveis.

 

A lei em si (LIFT – Rendas Habitáveis ​​para Famílias Hoje), agora introduzida por Rashida Tlaib, é complementar a um texto anterior ( nota S.4 ) introduzido pelo Senador Kamala Harris no início deste ano (3 de janeiro), sob o mesmo nome (LIFT ). Ele pretende “proporcionar alívio para famílias de renda baixa e moderada, introduzindo um novo crédito fiscal para indivíduos e famílias da classe trabalhadora”. Sob esta política, é atribuído um crédito de imposto de até 3000 $ / ano (250 $ / mês) por adulto, enquanto as famílias podem obter até 6000 $ / ano (500 $ / mês). A elegibilidade não está dependente do pagamento de impostos, portanto, qualquer adulto pode qualificar-se se ganhar menos de $ 50000 / ano (ou menos de $ 100.000 / ano para famílias constituídas). Nenhuma condição é colocada sobre como os beneficiários gastam o dinheiro.

 

O esquema é projetado como um NIT (Imposto de Renda Negativo), sendo dispensado com base no registro fiscal do indivíduo / família do ano anterior, descontinuado linearmente quando os ganhos brutos individuais caírem no valor de 30000-50000 $ / ano. Segundo os autores e suas equipes, o LIFT + Act elevaria cerca de 3 milhões de crianças e 9 milhões de famílias da pobreza e aumentaria efetivamente os ganhos de cerca de 123 milhões de trabalhadores.

 

Nota (1) – Redford é uma cidade na fronteira ocidental da maior cidade de Michigan, Detroit, com cerca de 48400 habitantes

FONTE:

https://basicincome.org/news/2019/06/united-states-congresswoman-rashida-tlaib-backs-up-basic-income-bill-for-the-united-states/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *